“Se eu era o dono, aquilo não foi invasão”, diz Lula sobre denúncia do triplex

O ex-presidente Lula reagiu com ironia à denúncia feita pelo MPF em São Paulo contra ele e coordenador do MTST, Guiherme Boulos, sobre a ocupação do triplex do Guarujá em abril de 2018. “Ora, se eles diziam que eu era o dono, aquilo não foi invasão”

247 – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva comentou na noite desta quinta-feira, 30, a denúncia apresentada à Justiça pelo Ministério Público Federal em São Paulo contra ele, o coordenador do MTST, Guilherme Boulos, e outras três pessoas, pela ocupação do triplex do Guarujá atribuído a Lula pela Lava Jato, em abril de 2018. 

No ato de ocupação do imóvel Lula encontrava-se como preso política na superintendência da Polícia Federal em Curitiba. Pelo Twitter, o ex-presidente reagiu com ironia à ação do MPF. 

“Ontem me denunciaram de novo, dessa vez por causa daquela invasão no tal do triplex. Eu e o companheiro @GuilhermeBoulos. Ora, se eles diziam que eu era o dono, aquilo não foi invasão”, escreveu Lula. 

Lula, Boulos e outras três pessoas foram enquadradas pelo MPF no artigo 346 do Código Penal, que estabelece como crime: tirar, suprimir, destruir ou danificar coisa própria, que se acha em poder de terceiro por determinação judicial – na ocasião, o imóvel bloqueado pela Justiça (leia mais no Brasil 247). 

Fonte: Brasil 247

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: