Rumo ao abismo: Bolsonaro copia Trump em meio a caos nos EUA por coronavírus

Segundo a OMS, os Estados Unidos podem se tornar o novo epicentro da pandemia da Covid-19

Bolsonaro e Trump (Foto: Alan Santos/PR)

pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro feito em rede nacional na noite desta terça-feira (24) segue na mesma linha adotada pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

“Nossa vida tem que continuar. Os empregos devem ser mantidos. O sustento das famílias deve ser preservado. Devemos, sim, voltar à normalidade”, disse Bolsonaro durante discurso feito à nação.

Pelo Twitter, Trump fez a seguinte publicação: “Nosso pessoal quer voltar ao trabalho. Eles praticarão o Distanciamento Social e tudo mais, e os idosos serão vigiados de forma protetora e amorosa. Nós podemos fazer duas coisas juntos. A cura não pode ser pior (de longe) do que o problema! O Congresso DEVE AGIR AGORA. Vamos voltar fortes!”.

A proximidade das declarações liga um sinal de alerta para o Brasil, tendo em vista a avaliação da Organização Mundial da Saúde de que os EUA devem se tornar o próximo epicentro da pandemia.

“Estamos vendo agora uma aceleração muito grande de casos nos EUA. Portanto, ele tem esse potencial [de se tornar o centro da pandemia]”, disse Margaret Harris, porta-voz da OMS, nesta terça-feira. 

Segundo o Centro de Pesquisas do Coronavírus da Universidade Johns Hopkins, os EUA já registram 53.740 pacientes infectados e 703 mortes. No Brasil, até o momento são 2.201 pacientes infectados e 46 mortos, segundo o Ministério da Saúde.

Os Estados Unidos são o terceiro país do mundo com mais infectados, atrás apenas da China e da Itália.

Fonte: Revista Fórum

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: