Meia dúzia vai para a Paulista comemorar demissão de Mandetta que não acontece

Bolsonaro havia decidido demitir o ministro da Saúde, mas recuou após a pressão da ala militar do governo

Pouco mais de meia dúzia de manifestantes bolsonaristas se reuniram na avenida Paulista, em São Paulo, no final da tarde desta segunda-feira (6), para comemorar a demissão do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que acabou não acontecendo.

O presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido-RJ) havia decidido demitir o ministro da Saúde, mas recuou após a pressão da ala militar do governo – em especial do ministro da Casa Civil e “presidente operacional”, Walter Braga Netto – e do Congresso Nacional.

O ex-ministro da Educação, Fernando Haddad, fez publicação na noite desta segunda-feira (6) ironizando a posição do presidente Jair Bolsonaro diante da crise interna em seu governo ao redor do Ministério da Saúde.

“Nunca tinha visto um presidente se colocar em situação tão humilhante”, escreveu o candidato do PT à presidência nas eleições de 2018.

Fonte: Revista Forum

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: