Apple promete US$ 400 milhões para construção de casas populares

Empresa anuncia parceria com governo da Califórnia para projeto de habitação; Apple planeja investir US$ 2,5 bilhões nos próximos anos

Com os US$ 400 milhões, a Apple vai financiar a construção de 250 unidades habitacionais de baixo custo na Baía de São Francisco. As casas serão destinadas especialmente moradores de rua e antigos moradores de rua, pessoas com deficiências e veteranos de guerra. Outras categorias como professores e bombeiros também terão benefícios na aquisição dos imóveis.

Crise habitacional

A Apple é apenas mais uma empresa de tecnologia a se aliar ao governo da Califórnia no combate à crise habitacional estadual. Essas empresas são constantemente apontadas como responsáveis por parte da crise, e estão aceitando colaborar para minimizar os efeitos negativos do crescimento do setor.

Com empresas atingindo faturamento e valor de mercado nunca vistos na história, o setor de tecnologia consegue pagar salários elevados, atraindo funcionários de alta renda para a região. Isso faz os preços locais subirem, afetando trabalhadores de outros setores que não conseguem acompanhar o aumento do custo de vida.

Essa disparidade salarial fez o custo de habitação subir consideravelmente na região da Baía de São Francisco, criando uma população com dificuldade para pagar o alto preço cobrado de aluguel. Muitos acabam se mudando para cidades próximas e gastam até três horas diárias em trânsito para o trabalho.

As empresas de tecnologia passaram, nos últimos anos, a aderir a projetos de habitação popular com o objetivo de minimizar esses efeitos negativos. Microsoft, Google e Facebook também se comprometeram a investir em casas populares em conjunto com governos locais.

Fonte: Olhar Digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: