Em semana com quatro mortes por Covid-19, Dourados mantém isolamento baixo

Após quase uma semana sem registro de mortes, Dourados voltou a confirmar óbitos por coronavírus (Covid-19), somando quatro desde o último domingo. O município já contabiliza 55 vítimas fatais em decorrência da nova doença.

Conforme informado pelo Dourados News, o óbito mais recente é de um idoso, 61 anos, residente no bairro Vila Industrial, em Dourados.

Entretanto, mesmo com o número de mortes voltando a acelerar, a população continua sem adotar o isolamento social. Até agora, essa é a medida mais efetiva para conter o avanço do coronavírus, de acordo com especialistas da área da saúde.

Na quinta-feira (30), Dourados teve 40,8% em isolamento, no mesmo dia, durante a transmissão ao vivo do boletim epidemiológico do Estado, o infectologista Júlio Croda, ressaltou a importância desta medida. O recomentado pela OMS (Organização Mundial da Saúde) é que esta taxa chegue pelo menos em 70%.

“Nosso isolamento está muito baixo, apesar de todos os esforços, não existe uma boa adesão ao isolamento social aqui no Estado. Isso a reflete nas nossas curvas. A gente vê um aumento progressivamente o número de casos, nossos dados são claros”.

A taxa de isolamento em Dourados foi ainda menor durante a semana, mesmo com as baixas temperaturas nos últimos dias que supostamente poderiam incentivar os douradenses a se manterem em suas casas. Na segunda-feira (27) a SES (Secretaria de Estado de Saúde) registrou taxa de 39,7%, na terça-feira (28) 39,1% e na quarta-feira (29) 40,7%.

“Nesse momento em que não temos o isolamento ideal, teremos que tomar medidas mais duras”, completou o infectologista Júlio Croda.

Taxa de Isolamento em MS

Na quinta-feira (30), cinco municípios ficaram acima de 50% na taxa de isolamento, sendo eles, Tacuru (55,2%), Jateí (53,7%), Juti (52,6%), Corguinho (50,5%) e Inocência (50,0%). Na pior colocação do ranking estão Batayporã (23,2%), Laguna Carapã (24,4%), Angélica (28,8%) e Bodoquena (29,3%).

Enquanto isso, Mato Grosso do Sul figurou com 37,57%, ficando à frente de Roraima (37,45%), Espírito Santo (37,31%), Minas Gerais (37,21%), Goiás (36,18%) e Tocantins (35,81%).

Situação endêmica

Dourados somou mais 14 casos de coronavírus chegando a 4.291 confirmações da doença desde o início da pandemia, no mês de março de 2020. Dados da prefeitura de Dourados e da SES nesta sexta-feira (31) revelam que 2.869 já estão recuperados, 1.342 aguardam em isolamento domiciliar, 42 pacientes estão internados – 19 em leitos de enfermaria e 23 em leitos de UTI. Importante lembrar que uma parte dos pacientes internados em hospitais de Dourados são de cidades que fazem parte da macrorregião.

Fonte: Dourados News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: