Uruguai inaugura maior fábrica processadora de cannabis da América Latina e pretende triplicar produção

Nova planta pertence a uma empresa canadense de fertilizantes, e foi instalada ao lado de cultivo de mil hectares, o maior do país. Está projetada para produzir cannabis medicinal, azeite e outros produtos derivados

(Divulgação/Marcha da Maconha SP)

A empresa canadense Boreal, do ramo de fertilizantes, inaugurou nesta semana uma nova fábrica no Uruguai. O evento aconteceu na segunda-feira (7), contou com a presença do presidente uruguaio Luis Lacalle Pou e anunciou a façanha de ser, a partir desta semana, a maior processadora de cannabis da América Latina.

A Boreal informa que investiu na compra de uma área de 5 mil metros quadrados, na região de Salto, no norte do país, perto da divisa com o Brasil. A fábrica fica ao lado de um cultivo de mil hectares, e está equipada com cinco secadoras de plantas.

Segundo Marco Algorta, presidente da Câmara de Empresas de Cannabis Medicinal, “a expectativa é que a produção triplique. Este investimento mostra que a empresa acredita no crescimento feroz da economia da Cannabis no Uruguai.”.

Já o representante da Boreal no Uruguai, Rodolfo Perdono, explica que a empresa pretende “terceirizar as operações para outros fornecedores. O local começou a operar em abril do ano passado, mas a indústria ainda não estava pronta. Ainda faltavam adaptações, e também houve um atraso por causa da pandemia”.

O empresário e advogado explica que a nova fábrica está projetada para produzir cannabis medicinal, azeite e outros produtos derivados.

Fonte: Revista Fórum

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: