Fortnite anuncia integração com app de videochamadas

A partir de agora, jogadores de ‘Fortnite‘ ganharam mais uma opção para se comunicar com os amigos. O game recebeu integração com o Houseparty, um aplicativo de videochamadas. Com isso, os jogadores podem jogar enquanto conversam vendo seus amigos no canto da tela. 

Para utilizar o serviço, os usuários devem vincular suas contas Houseparty e Epic Games. Em seguida, é necessário utilizar um smartphone ou tablet  para que a captura da imagem seja feita, como ocorre com uma webcam. No entanto, por enquanto, esse recurso só está disponível para pessoas que jogam o game no PCPlayStation 4 e PlayStation 5.

Ainda não há previsão de quando a funcionalidade chega para outras plataformas em que o jogo está disponível – Xbox e Nintendo Switch. “Avisaremos a todos se formos capazes de suportar mais plataformas no futuro”, disse a Epic Games em um comunicado.

Reprodução

Funcionalidade permite jogar o game vendo os amigos no canto da tela. Foto: Epic Games

A integração é claramente destinada a amigos próximos e familiares – os grupos que você normalmente organizaria em salas fechadas de bate-papo ou servidores do Discord. No entanto, ainda há algumas regras de segurança que devem ser seguidas. Em sua política de privacidade, o Houseparty enfatiza que o serviço só pode ser usado por maiores de 13 anos.

Atualmente, o serviço de videochamada oferecido pela empresa está disponível para dispositivos Android e iOS.

iPhones com ‘Fortnite’

Apple e Epic Games começaram uma guerra que pode definir o futuro da distribuição de “Fortnite” (e muitos outros jogos) no iPhone. Enquanto essa disputa não se resolve, algumas pessoas estão tentando lucrar com o fato de que, neste momento, um iPhone com “Fortnite” instalado pode ser considerado um artigo raro, anunciando o aparelho na internet por milhares de dólares.

jogo pode ter sido proibido na App Store, mas quem já tinha o jogo instalado no celular poderá mantê-lo por tempo indeterminado. Isso cria uma situação de escassez: quem tem o jogo, tem um item que pode se tornar cada vez mais raro com o tempo, tornando-se item de colecionador.

O resultado pode ser observado em plataformas como o eBay. Buscando pelas palavras “iphone fortnite”, é possível encontrar várias pessoas tentando capitalizar com o movimento. No anúncio mais caro, os preços podem chegar a 3.500 libras esterlinas, equivalente a mais de R$ 25 mil, por um iPhone 11 Pro com o jogo.

Obviamente, não há como garantir que esses iPhones continuem sendo escassos. A Apple continua aberta a publicar “Fortnite” na App Store, desde que a Epic aceite suas condições. Isso faria com que esses iPhones caríssimos se tornem apenas aparelhos comuns, sem nenhum diferencial. Também pode acontecer o oposto: o banimento definitivo deve tornar ainda mais raros esses aparelhos, que se tornariam ainda mais valiosos.

Fonte: Olhar Digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: