Em busca dos 41: Simone inicia conversas para vencer adversário apoiado por Bolsonaro

Senadora vai se reunir com legendas que ainda não definiram voto

Foto: Pedro França/Agência Senado

A senadora Simone Tebet (MDB-MS) já começou esta quarta-feira (13) a busca pelos 41 votos necessários para ser eleita a primeira mulher presidente do Senado Federal. A bancada emedebista lançou seu nome ontem, terça-feira (12).

Os parlamentares do Podemos se reúnem com a senadora na manhã de hoje. Segundo a CNN Brasil, a legenda está dividida entre apoiar Simone e lançar candidatura própria.

Na entrevista coletiva à imprensa em que anunciou sua candidatura, a sul-mato-grossense elencou os apoios que pretende buscar, de acordo com o jornal O Estado de S.Paulo. Os votos do PodemosPSDB, PSL e Cidadania, por exemplo, serão fundamentais para que ela atinja os 41 necessários.

“A candidatura não é situação nem oposição. É independente, harmônica com os poderes, em favor do Brasil”, declarou ontem. Como adiantou ao Jornal Midiamax na semana passada, ela reafirmou seu compromisso com a pauta econômica.

Simone terá como principal adversário Rodrigo Pacheco (DEM-MG), candidato apoiado por Davi Alcolumbre (DEM-AP) e também endossado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro. Conforme o site Poder360, Pacheco já contabiliza 31 votos, e Simone, 15.

A senadora lançou sua pré-candidatura em dezembro. O acordo na bancada era que seria indicado aquele que obtivesse maior aceitação em outros partidos. O MDB deve votar unido na eleição.

Fonte: Midiamax

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: